Crie hábitos produtivos em 2020 com 3 passos simples!

28

jan 2020

Por:digitalpixel
Não categorizado

As famosas resoluções de início de ano já viraram tradição para muitas pessoas. Porém, não é à toa que a falta de resultados vindos destas resoluções já é uma anedota tão tradicional quanto as próprias. O que será que separa as pessoas que realmente criam hábitos e alcançam seus objetivos traçados no reveillon das que ficam apenas nas promessas e chegam no final do ano sem evolução?

 

E você, se identifica com qual destes grupos?

Se você ainda espera alcançar resultados tão sonhados que prevalecem pendentes anos após anos “porque você não tem tempo” , este artigo é para você! Se você se identifica com pelo menos uma destas resoluções:

  • Fazer aquele curso que você precisa para seu desenvolvimento pessoal e profissional;
  • Fazer uma transição de carreira pois está infeliz com o atual emprego;
  • Ter hábitos saudáveis;
  • Viajar;
  • Buscar o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional; 

 

Realmente este artigo é para você!

O conteúdo compartilhado aqui, é resultado da experiência e know-how adquiridos pela Biominas nos últimos 03 anos a partir de um trabalho intensivo no desenvolvimento de mais de 160 projetos de pesquisa e startups. Esta experiência possibilitou uma imersão nos principais aspectos do comportamento empreendedor e trouxe muitos fatos e evidências que deixam claras as diferenças entre pessoas capazes de alcançar mais e melhores resultados, daquelas que ainda possuem comportamentos e hábitos que as impedem de ter mais realizações na vida. Mas neste contexto, a boa notícia é que podemos nos desenvolver para promover mudanças positivas. Vamos tratar a seguir de três pontos para isso:

 

1 – PORQUE não consigo alcançar minhas resoluções: Entender as causas, a raiz e os sintomas dos problemas que limitam seus resultados pode ser o primeiro passo para mudanças.

2 – COMO posso definir objetivos e resultados bem estabelecidos que serão essenciais para o meu desenvolvimento.

3 – O QUE devo fazer para criar um ambiente e condições que promovam resultados que espero alcançar. Lembrando que “A ação precede a motivação”. Steven Pressfield.

E aí, vamos entrar pro grupo de pessoas que faz das suas resoluções realidade?

 

1 – PORQUE

Porque algumas pessoas conseguem ter mais realizações que outras na vida? Como escapar de cair em desculpas batidas?Como alcançar realizações mesmo enfrentando condições muito desfavoráveis? Você pode se inspirar com alguns cases da Endeavor. 

Existem alguns elementos que podem te ajudar a entender onde estão as suas maiores dificuldades e desafios para evoluir seus  resultados e buscar meios de mudar a sua realidade:

  • Locus de controle – interno x externo: locus de controle representa o centro no qual a pessoa acredita ter poder de agir sobre. As pessoas com o locus de controle interno acreditam que tem o poder sobre sua vida e todas as decisões tomadas direcionam seus caminhos e resultados. Já as pessoas com o locus de controle externo acreditam serem vítimas de circunstâncias e ambientes externos dos quais ela não tem controle. Conduzir a vida sob a perspectiva do locus interno deixa a pessoa em uma posição de controle que amplia o seu potencial de realização. Neste contexto, não significa que a pessoa tem controle sobre tudo que acontece com ela, pois isso seria impossível, mas ela tem controle sobre a forma como reage a tais acontecimentos. E isso resulta em um posicionamento proativo que eleva a capacidade de reação e alcance de resultados.
  • Mindset Fixo x Mindset de Crescimento: 

 

Mindset é um termo adotado para descrever o tipo de mentalidade que cada pessoa possui. Segundo estudos de Carol Dweck, principal estudiosa da área e autora do livro “Mindset: a nova psicologia do sucesso”, foram identificados dois tipos de mindset, o fixo e o de crescimento. Por um lado, com mindset fixo, a pessoa aceita as condições impostas pelo ambiente, tendem a acreditar que não conseguem desenvolver novas habilidades e conhecimentos e com isso carregam um perfil inseguro, limitado e com grande estagnação. Já o mindset de crescimento, pode também ser chamado de mindset progressivo. Pessoas com este tipo de mindset acreditam em suas habilidades, e também que podem desenvolver novas competências, desde que haja dedicação, aprende com os erros e acredita ser capaz de promover mudanças em seu ambiente. O tipo de mindset influencia diretamente seus resultados. E mais uma notícia boa, é que o mindset pode ser mudado. Para isso, o primeiro passo é conhecer melhor os dois perfis, identificar qual o tipo de comportamento você possui e buscar mudanças para a sua rotina e comportamento que promovam o mindset de crescimento. 

  • Dificuldade de planejar, organizar e definir prioridades: atualmente, com grande volume de informações que lidamos todos os dias, a atenção e o foco tornaram-se características de grande relevância para se alcançar resultados. Tão importante que foi considerada por estudiosos da área a habilidade mais importante para o século 21.  Por isso, construir sua própria dinâmica de trabalho que funcione para você pode ser essencial para lidar com as distrações diárias e trazer mais foco nos resultados. Alguns elementos são essenciais neste processo:

 

Links úteis: Planejamento Estratégico Pessoal –  Endeavor
Matriz de Eisenhouwer
Porque você procrastina

 

  • Hábitos bons x hábitos ruins: o tempo é democrático, todos nós, sem exceção temos 24 horas para organizarmos da forma como gostaríamos. Considerando que em um cenário comum, temos 8 horas para dormir, 8 horas para trabalhar, você já parou para pensar o que você faz com as suas 8 horas restantes? Quais hábitos você cultiva neste tempo? Prefere assistir televisão, se exercitar, passar mais tempo com a família, ler? Enfim, as possibilidades são muitas,e a boa ou má utilização do seu tempo depende apenas da sua decisão. Então da próxima vez que você deixar de fazer algo que teoricamente seria importante para você por “falta de tempo”, revisite seus hábitos e suas prioridades e veja se o problema é realmente a falta de tempo ou suas escolhas em relação à ele. 

Um hábito normalmente é composto por 3 elementos.

 

A junção do conhecimento, desejo e habilidade são fatores essenciais para a construção de bons hábitos. Entender esta dinâmica pode ajudar muito a promover mudanças positivas no seu dia a dia.

 

2 – COMO

O movimento das startups trouxe muitos aprendizados em novos modelos de gestão a serem aplicados a realidade dos dias atuais. Surgiu no século passado o termo VUCA, utilizado para descrever características que estão em destaque diante de tantas mudanças nos últimos anos. Este termo é proveniente do acrônimo de palavras em inglês que significam volatilidade, incerteza, complexidade e ambiguidade. Essas características trazem consigo uma série de demandas por novos formatos de trabalho e novas habilidades que se não forem desenvolvidas impactam em perda de competitividade no mercado, seja como empresa ou como profissional.

Diante disso, uma das metodologias mais adotadas pelas empresas mais inovadoras e que pode ser adaptada para uma perspectiva pessoal, são os OKRs – Objective and Key Results, ou a sigla em português, Objetivos e Resultados Chave. Esta metodologia consiste em um conjunto de definições do que você deseja alcançar. O sucesso do uso da ferramenta depende de alguns fatores principais:

  • Saber diferenciar objetivos e resultados: o objetivo está relacionado ao que se quer atingir, é motivacional, qualitativo e desafiador. Ele deve inspirar e engajar a pessoa à ação. Já os resultados devem ser quantitativos e ter características SMART. Eesta sigla é originária do inglês e significa Specific, Measurable, Attainable, Relevant e Time Based. Em português significa:

 

 

  • Entender o significado de “chave” neste contexto: os OKRs na empresa são adotados para ajudá-las a  ter mais foco em resultados e por isso é tomado o devido cuidado para não ter um número excessivo, perder o foco e no final não conseguir entregar nenhum resultado. Aplique esta mesma lógica nos seus OKRs pessoais. Tenha clareza do que é essencial, ou seja, “chave” para a sua vida.
  • Dinâmica de aplicação: no contexto empresarial, os OKRs são definidos anualmente e redistribuidos trimestralmente. Essa dinâmica ajuda a ter clareza da sua evolução e também pode ser adotada no seu OKR pessoal, para identificar se as coisas estão andando como previsto, ou se será necessário algum plano de ação de emergência para ajustar o caminho. Uma boa estratégia é associar seu planejamento estratégico pessoal com o seu OKR pessoal.

 

3 – O QUE

Depois de entender porque você pode ter dificuldade de alcançar seus objetivos e resultados e como criar alternativas que irão nortear seu caminho, agora vamos falar sobre o que você pode fazer para colocar tudo isso em prática e colher os frutos das suas ações e decisões. E para isso, vamos falar sobre um método de produtividade, que poder ser identificado também como um sistema de organização, o GTD – Get things done, disseminado pelo escritor norte-americano David Allen. Sua versão em português recebeu o nome “A arte de fazer acontecer”. O livro explica em detalhes o que é o GTD, o que ele faz e como ele funciona, representado na figura abaixo:

 

Mapa mental retirado do blog Eu organizado, que resume os principais pontos do livro.

 

O método reúne um conjunto de 5 hábitos e 4 ferramentas que combinadas tem o objetivo de aumentar a capacidade das pessoas de FAZER. Os hábitos devem ser semanais e diários e consistem em:

  • Coletar ou capturar: garantir que todas as informações que precisam ser lembradas sejam registradas em algum lugar.
  • Processar e esclarecer: avaliar as informações registradas para filtrar e fazer os direcionamentos mais adequados com cada uma delas. Definir onde guardar tais informações.
  • Organizar: manter as atividades organizadas com clareza do que tem que ser feito e quando com critérios criados por você para facilitar o entendimento e organização.
  • Fazer: Executar o que foi planejado no dia e/ou na semana que garanta o cumprimento dos seus objetivos e resultados.
  • Revisar e refletir: ajuda a manter o processo organizado, faz com que não tenha nenhuma atividade atrasada ou sem providência devida. Além de deixar claro como estão as suas decisões em relação ao seu tempo e como está a sua produtividade.

 

Como afirmado no livro pelo autor, estes itens devem se tornar hábitos e não apenas tarefas ou atividades. Estes hábitos, por sua vez, podem ser viabilizados por meio das 4 ferramentas:

  • Caixa de entrada: local onde todas as informações são inseridas. Pode ser um aplicativo de gestão de tarefas, como por exemplo, o todoist ou o asana.
  • Agenda ou calendário: local para organizar seus compromissos, com todas as informações de data, hora, lugar e pessoas envolvidas. O google calendar pode ser uma ótima alternativa, além de ter integração com os apps sugeridos para usar de caixa de entrada.
  • Lista de tarefas: sua lista de tarefas pode ser organizada no mesmo aplicativo usado na caixa de entrada. A sua lista pode ser otimizada na forma como você organiza suas tarefas, com critérios estabelecidos por tipo de tarefas e tipo de ação demandada.
  • Editor de notas: Utilizar para anotar informações importantes sobre as tarefas que compõem um projeto maior, para registro de pontos importantes e aprendizados. Algumas opções são o Evernote, Google Doc ou qualquer outro mecanismo de registro de informações, incluindo um caderno, caso você opte por fazer na versão física.

 

Esta pode ser uma ótima ferramenta para garantir o funcionamento da dinâmica do seu Planejamento Estratégico Pessoal e dos seus OKRs pessoais. 

Bom, depois de todas estas informações, chegou a hora de começar a aplicar o conteúdo trabalhado neste artigo e alcançar mais realizações na sua vida. Caso você tenha alguma dúvida no processo, comece assim mesmo, pois com a prática você irá entender o que funciona para você e como otimizar seus resultados para alcançar todas as suas resoluções!

Tradução: Primeiro fazemos nossos hábito. Então nossos hábitos nos tornam quem somos.

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a newletter e receba nossas novidades!

Av. José Cândido da Silveira, 2100 - Horto, Belo Horizonte - MG, 31035 - 536

+55 (31) 3303-0000

biominas@biominas.org.br